MENU
as 4 verdades nobres natural vibe

As 4 nobres verdades… Colhemos o que plantamos!

Temos a mania de apontarmos o dedo. Lamentar, bufar, fingir que não entendemos… Culpar algo ou alguém por nossa insatisfação. Nos esquecemos de que, ABSOLUTAMENTE tudo o que acontece em nossas vidas é de nossa responsabilidade!Colhemos aquilo que plantamos. E sendo assim, quero usar essa teoria para vermos as tantas tragédias da atualidade de um ponto de vista filosófico…  Os ensinamentos budistas não são simples e os que lerem somente o superficial, talvez não o compreendam e se desinteressem. Mas hoje tentarei usar uma liguagem simples para explicar esses ensinamentos que podem mudar a forma como você leva a sua vida e de fato realizar mudanças significativas!

Antes de mais nada, vamos esclarecer que a base do ensinamento Budista (as quarto nobres verdades) é a conclusão de Buda sobre a natureza do sofrimento. O reconhecimento do sofrimento, a causa, a fuga e o esforço para se alcançar a felicidade.

As Quatro Nobres Verdades

1.  A natureza do Sofrimento – o sofrimento do nascimento, da velhice, da doença e da morte. Há também o sofrimento da perda de entes queridos, de estar junto de algo que não se gosta, de não conseguir o que se deseja, e o de perder suas conquistas… Reconhecer o sofrimento é um remédio para nossas falsas esperanças e nossa tendência de buscar apoio em prazeres efêmeros que resultam em decepção.

2. A causa do sofrimento – Segundo Buda, todos os sofrimentos, desde as menores discussões familiares até as grandes guerras, surgem do egoísmo e da cobiça. Somos escravos da sede. E abro um parêntese aqui para dizer que essa sede não é somente a do prazer ou material, mas também sede de ideias e conceitos ou obsessão através de crenças.

3. A  cessação de extinguir o sofrimento – Acredita-se que acabando com a causa, o sofrimento desaparece.
Eu poderia entrar no tema “Nirvana”, mas aí complica muito! Então deixo este para uma próxima conversa… Só para ilustrar, uma forma simples de se definir Nirvana seria: ter uma saúde mental perfeita. Sem arrependimentos do passado, sem especulações sobre o futuro, sem ilusões, vivendo inteiramente no presente, e gozando tudo o que temos de um jeito puro, sem autoprojeções, sem ansiedade, egoísmo, ou orgulho. Sem também a busca de ganhos, e sem acumular nada. Sendo 100% pacífico, estando repleto de amor universal, compaixão, bondade, simpatia, compreensão e tolerância.
Difícil? Sim, mas possível 😉

4.  O caminho que leva a cessação do sofrimento – Devemos seguir a técnica de oito práticas (ou Nobre Caminho Óctuplo):
Entendimento correto, pensamento correto, linguagem correta, ação correta, modo de vida correto, esforço correto, atenção plena correta, concentração correta.

Ok, entendido tudo isso…

Alguns veem os desastres naturais da atualidade como punição divina. Li outro dia um colunista descrevendo um furacão como “o punho de Deus”.

Na década de 60, os acidentes naturais com vítimas não passavam de 100 anuais, em 2010 foram mais de 500 e a tendência é que esses números subam.
Enchentes, vulcões, secas e calor, nevascas e avalanches estão a cada dia adquirindo mais intensidade.
E culpamos Deus?

Todas as áreas de risco se agravam com a intervenção humana e devasta diversos habitats naturais. Sim, muito triste os zilhões de pessoas que estão morrendo, mas não está na hora de sermos radicais e MUDARMOS nosso jeito de pensar?
Está começando a acontecer ali na esquina, com nossos conhecidos. O que era antes visto pela tv, está hoje sendo visto pela janela…

Aproveitando a deixa, vamos usar estes ensinamentos dentro de nós e olhar para nossa vida, nosso karma e enxergar que nossa vida hoje nada mais é do que o resultado do que plantamos…
Vamos deixar o ego de lado e colocar os óculos para lermos algumas páginas passadas de nosso livro, e ver tudo que desrespeitamos, que cobiçamos, que ao sermos obcecados, agimos sem pensar e magoamos os outros, que pela gula, comemos e engordamos… Enfim!

Está chegando um ano que promete muitas realizações. Vamos direcionar os pensamentos e ações para reparar o que está feito e tentar não só ajudar aos outros, mas a nós mesmos mudando nossos pré-conceitos, abrindo nossas mentes.

O planeta é uma bola… estamos girando, tudo que sobe, desce, o que vai, volta!

Email this to someoneShare on Google+Pin on PinterestTweet about this on TwitterShare on Facebook

Escrito por::

Publicado em: 22 de maio de 2017

Categorias: Destaques, Lifestyle NV

Exibições: 16271

, , , ,

6 Responses to As 4 nobres verdades… Colhemos o que plantamos!

  1. Leticia disse:

    Eu estou encantada com cada post teu.
    Eu te sigo no instagram, mas não sabia da existência desse site.
    Adorei cada palavra, continue assim.
    Abraços

  2. Taysa Martins disse:

    Luana, és um serzinho de luz.

  3. Ivy disse:

    Luana, andei passando por momentos dificeis…estou em um momento de reequilibro…em busca de uma vida mais leve.
    Não poderia deixar de te dizer o qto o natural vibe tem me ajudado a crescer como ser humano! Vc é uma pessoa de luz!

    ahhh e se não for pedir mto faz um post sobre dicas de livros 😉
    aguardo ansiosa pela resposta!

    bjocas

  4. katia disse:

    To adorando cada post dessa pagina ! Parabéns !!!

  5. […] religião, e acreditar que muita coisa nela faz total sentido e nos ajuda muito! Esse é o caso das 4 nobres verdades e do caminho óctuplo! São a base do ensinamento budista, e mesmo pra quem não segue e não quer […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *